São Paulo bate na trave na partida em casa contra o Sport

Por Redacao 27/11/2018 - 10:55 hs

O São Paulo pressionou, criou inúmeras oportunidades e até carimbou a trave aos 45 minutos do segundo tempo. Porém, apesar de insistir, ficou no empate por 0 a 0 com o Sport na noite desta segunda-feira (26) em duelo válido pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, no Morumbi, o São Paulo se manteve na quinta colocação do torneio, agora com 63 pontos. No próximo domingo (2 de dezembro), na Arena Condá, a equipe são-paulina enfrentará a Chapecoense na rodada de encerramento da competição em busca da vaga no G4. Para se garantir no G4, terá que secar o Grêmio, que joga em casa contra o Corinthians na última rodada.

Para encarar os pernambucanos,  Jardine contou com as voltas de Bruno Alves (cumpriu suspensão automática) e Diego Souza (recuperado de dores no joelho direito), que não enfrentaram o Vasco da Gama. Já Bruno Peres (estiramento na região anterior da coxa esquerda), Hudson (fadiga muscular), Luan (entorse no tornozelo direito) Gonzalo (estiramento no posterior da coxa direita) e Rojas (cirurgia no tendão patelar do joelho direito) não estavam à disposição.

Assim, o treinador escalou o time com Jean; Araruna, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Jucilei, Liziero e Nene; Helinho, Diego Souza e Everton. Já os visitantes atuaram com Maílson; Claudio Winck, Ernando, Adryelson e Raul Prata; Marcão Silva, Jair e Gabriel; Michel Bastos, Mateus Gonçalves e Matheus Peixoto.

Com mais posse de bola e ações ofensivas, o Tricolor dominou o primeiro tempo e criou boas oportunidades para balançar as redes. O atacante Diego Souza ainda sofreu pênalti não marcado pela arbitragem, mas apesar de insistir o São Paulo não conseguiu abrir o placar antes do intervalo.

Na volta para a segunda etapa, o São Paulo adotou uma postura ainda mais ofensiva e pressionou os visitantes a maior parte do tempo. Helinho e Nene, logo no início, levaram perigo. Aos 29 minutos, a equipe são-paulina teve uma penalidade máxima, e o goleiro Maílson defendeu a cobrança de Nene.

Para dar ânimo novo ao time, Jardine mexeu no time e colocou Antony e Tréllez, além de promover a estreia do jovem Igor Gomes. Presente no campo de ataque, o Tricolor acuou o rival e ainda carimbou a trave aos 45. Porém, mesmo com diversas oportunidades, o São Paulo não conseguiu furar a defesa adversária, e assim o duelo terminou empatado sem gols.