Tite, treino fantasma e suas expressões tradicionais na seleção brasileira

Por Redacao 10/10/2018 - 08:53 hs

Quem acompanha a seleção brasileira sob o comando de Tite já sabe: quando tem treino fantasma também tem muita orientação do técnico. Foi o que aconteceu nesta terça-feira (9), no CT do Tottenham, em Londres.

No segundo trabalho desta Data Fifa de outubro, quando o Brasil enfrentará Arábia Saudita e Argentina, Tite dividiu o time em dois. Enquanto uma parte fazia um exercício técnico com seus auxiliares, 11 jogadores participaram do treino fantasma, aquele onde os atletas se posicionam e movimentam sem adversários.

Como de costume, foi possível ouvir as já tradicionais expressões do técnico para orientar seus jogadores. "Faz chacrinha" e "tira onda", por exemplo, servem para mandar o meias trocarem passes envolvendo o adversário, como explicou o meia Fred.

“Chacrinha é tocar a bola perto um do outro, jogar junto, colocar o adversário na roda, tipo um bobinho”, contou o meia Fred na coletiva de imprensa após o treinamento.

Os dois grupos participaram deste treinamento. O primeiro time foi formado por Ederson, Fabinho, Pablo, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro, Fred e Renato Augusto; Philippe Coutinho, Gabriel Jesus e Neymar. Já o segundo teve Alisson, Danilo, Eder Militão, Miranda e Filipe Luís; Arthur e Walace; Lucas Moura, Roberto Firmino, Richarlison e Malcom.